Search

Thursday, March 29, 2012

Casa Azul

Mudaria alguns pormenores de decoração nesta casa mas tenho a certeza que manteria muitos outros; Os banquinhos de madeira utilizados como centro de mesa, o baú como mesa de cabeceira, a banheira, o roxo e o violeta que, apesar de não serem das minhas cores favoritas, sempre gostei de as ver conjugadas com o azul.









Wednesday, March 28, 2012

Pavilhão Chinês

Por um destes dias conheci o "Pavilhão Chinês", um bar com uma área de aproximadamente 250 m2 que se divide em cinco salas com motivos decorativos diferentes. Percorrer cada uma delas é viajar. É mergulhar em outros tempos e inundar-se em colecções dos séculos XVIII a XX.
Tudo neste bar/"museu" é criterioso, desde a invulgar riqueza das 4 mil peças decorativas, à selecção de chás e cocktails, passando pelo requinte do serviço hoteleiro. 
Confesso-vos que fiquei com vontade de retroceder à tradição das colecções. Se não fossem pessoas como Luís Pinto Coelho, antigo proprietário, que, desde os seus 12 anos, tinha como "hobby" esta arte, não teríamos hoje acesso a tamanha cultura.
Tenho pena de não ter fotografado este mundo de miniaturas de soldadinhos de chumbo, cartazes políticos, loiças de Bordalo Pinheiro e afins, mas a bateria da máquina surpreendeu ao acusar descarga. Deixo-vos, no entanto, um excerto do texto da carta de bebidas que talvez vos abra o apetite. Se for caso disso, fica na Rua D. Pedro número 86, em Lisboa.
Já eu, descobri mais uma razão para visitar a capital.
"Conservou o nome de antiga mercearia com grande tradição em Lisboa pela venda de especearias finas. Das tais que vão acabando e com elas a tradição dos cafés, chás e bolachas vendidos em graciosas embalagens portuguesas.
Esta, datada de 1901, foi encontrada em 1985 já com os seus armários e belos estuques de arte e, adianta ruína. Sem abdicar da decoração original restauramos e enriquecemos as salas recuperando assim, o fino ambiente da época.
Foi desta forma trabalhosa e complicada que surgiu, em 18 de Fevereiro de 1986, o "Pavilhão Chinês Bar".
A exposição permanente que motivou a decoração, um serviço de grande qualidade e a fama dos seu cocktails, granjearam-lhe um prestígio ímpar não só a nível nacional como internacional." 


Fotografia por: Present Form

Thursday, March 22, 2012

Expresso do Oriente

Hoje mostro-vos ambientes influenciados por dois países asiáticos - a China e a Índia - e por Marrocos, que traz o legado do domínio árabe, apesar de se situar no norte de África.
Sou totalmente fascinada pelo país de Gandhi, mas no que toca a decoração, a combinação dos três é perfeita.
Da China trazia sedas e peças laqueadas, de Marrocos os mosaicos e os arabescos e da Índia... bem da Índia, pratas e tecidos trabalhados mas sobretudo, uma visão cruel mas romântica da durissíma realidade daquele país...










Fotografia (última) por: Present Form